Palavra Chave:


Conheça mais
    Faça sua reclamação
    Direitos de Família
    Direito Penal
    Direito Civil
    Direito Trabalhista
    Direito do Consumidor
    Direito Previdenciário
    Polícia
    Política
    Direito Procesual Civil
    Direito Previdenciário
    Direito Processual Penal
    Sua Saúde
    Noticias
    QUEM SOMOS
Arquivos
    Publicações
    Petições


TJ vai propor reajuste entre 10% e 11% nas taxas dos cartórios
Nas últimas semanas do ano passado, o reajuste das custas causou muita polêmica – o que pode se repetir agora. Na época,...
Reclamação contra o Banco Itaú S.A
Venho aqui registrar toda a minha revolta contra o Banco Itaú. No dia 07/12/2007 fui até a agência 0170, sito à Rua...
veja mais

 

30/10/2013 - Senado aprova atendimento domiciliar do INSS a idosos doentes

Gazeta do Povo - 23-10-2013

http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?tl=1&id=1419317&tit=Senado-aprova-atendimento-domiciliar-do-INSS-a-idosos-doentes

Senado aprova atendimento domiciliar do INSS a idosos doentes

O texto acaba com a exigência para que os idosos compareçam aos órgãos públicos pessoalmente para resolver problemas burocráticos do seu interesse ou da própria instituição

O Senado aprovou nesta quarta-feira (23) projeto que obriga a realização de atendimento domiciliar por órgãos públicos para idosos que estejam enfermos. O texto acaba com a exigência para que os idosos compareçam aos órgãos pessoalmente para resolver problemas burocráticos do seu interesse ou da própria instituição - como a perícia médica do INSS.

O atendimento domiciliar é assegurado nos casos em que o assunto é de interesse do órgão público - que fica responsável por realizar o contato com o idoso para a ida à sua residência. Nos casos em que o interesse for do idoso, ele fica autorizado a se representar por um procurador legalmente constituído.

O atendimento domiciliar fica obrigatório nos casos de perícia médica do INSS ou expedição de laudo médico de saúde necessário para o exercício de seus direitos sociais ou isenção tributária. O laudo deve ser emitido, segundo o texto, pelo serviço público ou privado de saúde que integre o SUS (Sistema Único de Saúde).

Como o projeto foi aprovado em caráter terminativo pela Comissão de Direitos Humanos do Senado, ele segue para sanção da presidente Dilma Rousseff se não houver recurso para ser analisado no plenário da Casa.

Há uma norma do INSS que determina a realização de perícia médica do segurado no hospital ou em sua residência, mas como a regra nem sempre é cumprida, os congressistas querem torná-la uma determinação legal.

"Essa instrução normativa do INSS é norma interna, infralegal, por conseguinte precária e sujeita à disposição dos governantes de ocasião, daí a necessidade de consolidar na legislação infraconstitucional o direito objetivo do idoso enfermo", disse o relator do projeto, senador Roberto Requião (PMDB-PR).

Autora do projeto, a deputada Rebecca Garcia (PP-AM) disse que seu objetivo é preservar a saúde do idoso ao evitar o seu deslocamento, enfermo, a órgãos públicos.

"Lembramos do episódio lamentável em que o INSS obrigou todos os aposentados, num curto período de tempo, a comparecer pessoalmente nas longas e conhecidas filas daquela instituição para recadastramento dos benefícios. Somos a favor do recadastramento, mas ele deve ser feito em condições que não prejudiquem os aposentados", afirmou.

Rebecca Garcia disse que, como a legislação brasileira concede aos idosos benefícios como isenção de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para aquisição de veículos e isenção de Imposto de Renda sobre proventos de aposentadorias e pensões, a "burocracia" para o acesso ao benefício acaba deixando o idoso sem recebê-lo.

"Tal dificuldade é mais acentuada entre os idosos enfermos que, além das restrições impostas pela doença, possuem as limitações naturais decorrentes da idade avançada", disse a deputada.

Inserida por: Dr. Espirito Santo fonte:  Gazeta do Povo
Imprimir   enviar para um amigo
Cai fator previdenciário, não diminui prejuízo para cidadãos
O dito fim do fator previdenciário, nesse caminho, é apenas a continuação do processo de retração da proteção social que dialoga com as demandas – sempre urgentes – por crescimento econômico.
Ato na Câmara defende a PEC 555 e cobra o fim da contribuição dos aposentados
PARA LER A MATÉRIA NA ÍNTEGRA, CLIQUE NO TÍTULO
Editorial: Idade da razão
É improvável que o tema seja tratado em período eleitoral. Um Congresso responsável, porém, não postergaria sua contribuição para equacionar ameaça tão grave.
Governo e Congresso discutem futuro do fator previdenciário
Para Follador, a substituição do fator pela idade mínima ou pela a fórmula 85/95 não dá conta de resolver o problema da previdência.
"Fim do fator previdenciário elimina desaposentadoria"
O primeiro discurso que eu fiz em 1987, quando cheguei ao Congresso, foi exatamente pedindo o fim do voto secreto.
Projeto devolve contribuição ao INSS para aposentado que trabalha
Atualmente, o INSS só devolve as contribuições aos segurados que se aposentaram antes de abril de 1994 e continuaram a trabalhar na mesma empresa até junho de 2007.
INSS pede mais tempo para fazer revisão de 5 milhões de benefícios
O recurso do INSS pede ainda que a revisão se concentre em São Paulo e que exclua 31 mil benefícios que foram calculados com base na medida provisória 242.
Previdência paga revisão de teto de aposentadoria
Desde quarta o dinheiro está disponível na rede bancária dos aposentados contemplados. Antes, previsão era de que pagamento ocorreria a partir de 31 de maio
Benefício maior para aposentado "na ativa" deve ser julgado em breve
"Desaposentar" consiste basicamente em pedir o recálculo do benefício levando em consideração as contribuições do trabalhador feitas após a aposentadoria.
Ação no STF pode rever 480 mil aposentadorias de quem ainda trabalha
O fato de o governo demonstrar preocupação com o tema, a ponto de calcular o seu impacto financeiro, pode ser traduzido como uma "espécie de previsão para o julgamento".

Total de Resultados: 353

Mostrando a página 6 de um total de 36 páginas

InícioAnterior123456789101112131415PróximoFinal

  Cadastre seu email e receba as novidades do reclamando.com.br
Cadastrar | Remover